banner2018

banner2018

Seguir

Google+ Followers

IMPERDIVEL!!!!

siga por e-mail

31 de mar de 2014

CONCEITOS BÁSICOS DAS TÉCNICAS DE PONTOS DE PRESSÃO SEGUNDO CHAN TZI CHING!

Nas Artes Marciais, a maior ciência é dominar a técnica de golpear pontos de pressão, embora haja
centenas de pontos de pressão no corpo humano, só uns poucos são vitais. É esta a razão somente que faz o domínio destas técnicas tão difíceis.
As técnicas dos pontos de pressão podem ser dividas em golpear um ponto (DIM MAK), tal como com a ponta do um dedo, golpear com um soco (DA MAK), pressionar um ponto com uma garra (NA MAK), e bloquear o fluxo de sangue (BYE MAK).
Estudantes de tais técnicas não somente tem que ser hábeis em sua aplicação, mas devem ter o conhecimento para propriamente realizar a técnica de modo a não ferir fisicamente outros ou a ele próprio na pratica. Por ser esse conhecimento tão fatal, muitos sifus  vêem-no como um  segredo e escolhem seus discípulos com  muito cuidado por temer que o conhecimento seja usado para maus propósitos. Muitas vezes discípulos escolhidos tem que fazer juramento ao seu sifu de que não usarão seu conhecimento para propósitos destrutivos.
De acordo com o pensamento tradicional chinês, o corpo contem 308 pontos de pressão conectados por uma serie de caminhos. Destes 308 pontos, 36 são perigosos e, se golpeados podem matar. O conhecimento da localização destes pontos é obviamente importante. Mas ainda mais importante é o conhecimento de quando golpear cada ponto.  Veja o vídeo...

28 de mar de 2014

GARRA DE ÁGUIA UM ESTILO MILENAR NA HISTÓRIA DA CHINA!

Comentário do Mestre CHAN IZI CHING(de uma antiga monografia)

Historicamente sabe-se que o General NGOK FEI ensinou YING JON PAI ou YIN KUEN ou mesmo
GARRA DE ÁGUIA ao monge LI CHUEN.

Quando Ngok Fei foi morto, muitos de seus alunos ent...raram para o mosteiro e tornaram-se monges. Até a Dinastia Ching o Monge TOA GAI ensinou LAU SHU CHUN e foi através de TOA GAI que é possível conhecer a história do Garra de Águia.

Após aprender por 9 anos LAU SHU CHUN deixa de treinar de com o monge Toa Gai e tem a sorte de encontrar-se com o Mestre FAR SHING que estudara com o jovem irmão de treino de TOA GAI e de quem gostava e o respeitava por sua excelente força e técnicas de mãos rápidas. Far Shing concordou em ser o Sifu de Lau Shu Chung e apresentou-o a um agente chefe de segurança que seria seu irmão de treino enquanto estivessem recolhidos no mesmo mosteiro.

Depois de um longo tempo de treino, LAU SHU CHUNG tornou-se independente e fundou sua própria escola denominada de TUNG CHUNG. Havia um famoso lutador chamado de CHO LONG KIN, que erra mestre de FAAN IZI, que pressionado pela povo entrou em uma luta de punhos com Shu Chung para determinar quem era superior. A luta foi realizada e CHO KONG KIN foi rapidamente forçado a submeter-se a técnica de bloqueio do Garra de Águia. Tendo somente um olho CJO KONG KIN era popularmente conhecido como BLIND CHO - BLIND CHO tornou-se instrutor chefe da Familia Lau e ainda é famoso na história da Familia Lau.

BLIND CHO ensinou Faan Izi e Ying Kuen juntos tal que até hoje ninguém conseguiu separar as formas umas das outras.

20 de mar de 2014

O mundo dá muitas voltas


O mundo dá muitas voltas, no inicio dos meus treinos de kung fu, procurei uma escola em Manaus
avido para aprender o kung fu chinês do Bruce Lee, e na época não achei, um dia subindo a rua Ferreira Pena, próximo ao Centro de Manaus, me deparei com uma placa onde estava escrito, Chin Chin Do, Kung Fu, era um escola de kung fu, não vou dizer o nome do professor por respeito, entrei me matriculei e comecei a treinar, mas vi depois de algum tempo que não era aquele kung fu que eu estava procurando, e parei de treinar por algum tempo até que achei outra escola que se dizia ensinar kung fu, na realidade ambas as escolas ensinavam KARATÊ-FU, mas de qualquer maneira me ajudaram a encontrar o verdadeiro caminho, nesta segunda escola comecei a aprender algo com o nome de CHUAN CHU TAO, o nome era chinês, mas também era karatê-fu.
Ontem o professor do professor da primeira escola que comecei a treinar kung fu, virou meu aluno, Deus tem me reservado cada surpresa, acho que agora ele vai conhecer o verdadeiro kung fu wushu chinês.