banner2018

banner2018

Seguir

Google+ Followers

IMPERDIVEL!!!!

siga por e-mail

26 de mai de 2011

Kung fu Wing Chun - china radio international

Kung fu Wing Chun - china radio international: "Os princípios de Wing Chun incluem prática, eficiência e economia de movimentos. Os praticantes são encorajados a sentir a energia atrás de seus movimentos. Essa filosofia essencial passou a ser uma orientação útil para os praticantes ao modificar ou refinar a arte."

18 de mai de 2011

Defesa Pessoal - Chin Ná (擒拿) – Método de Imobilização

Chin – Significa agarrar e segurar, – Controlar
Estas são as técnicas principais do sistema Garra de Águia, desenvolvidas pelo General Yueh Fei(1103-1114) d.C, muitos historiadores acreditam que ele aprendeu com o monge Shaolin Jao Tung as 108 técnicas originais de apresamento e torção que ficariam conhecidas por chin na. Dominar o atacante sem a necessidade de ferí-lo demasiadamente, era a intenção original dos monges Shaolin que codificaram o método.
Diz-se que um Mestre nesta arte é capaz de matar seu oponente se prolongar a aplicação de certas técnicas. Dentre os estilos de Kung Fu, os que maior importância dão a prática do Chin-Na são:
·         Pai Huo Chuan
·         Hung
Este é um conjunto de técnicas marciais chinesas que utiliza torções, chaves de articulações e pontos de pressão para imobilizar o oponente.

13 de mai de 2011

Bases do Garra de Águia

Antigamente a postura do cavalo era o ponto chave para teste de quem desejasse treinar Kung Fu com um Sifu respeitável, normalmente os futuros pretendentes da prática da Arte Marcial kung fu eram levados até uma escola por um amigo, ou seja o que funcionava mesmo era o boca à boca, se o pretenso aluno aceitasse os termos de conduta imposto pelo mestre da escola, então ele seria aceito e lhe seria mostrado a base MASEK(postura do cavalo ou do cavaleiro) onde o aluno ficaria nesta base até que ele não conseguisse se manter nessa base, então descanso e retorno.
Esta era a única lição por 6 mêses quando o aluno conseguisse ficar por 3 horas nesta postura, e somente então ele seria considerado apto para continuar seu aprendizado, esta era uma forma de manter fora da escola os intrometidos, se isto fosse aplicado no Brasil com certeza as escolas de kung fu estariam vazias.

Veja também;

5 de mai de 2011

Alongando com o garra de águia

Olá dando continuidade ao esclarecimento da história e das técnicas do Garra de Águia, vamos conhecer agora um pouco das técnicas de alongamentos deste maravilhoso Sistema do Kung Fu Chinês.

Veja mais:
Desde de por volta de 2500 A.C. os chineses já tinham o hábito de dançar para melhorar os movimentos das articulações e friccionar os músculos para aliviar a dor após cansativas horas de trabalho, desenvolvendo a prática de exercícios e de massagens para a preservação e a restauração da saúde.
Foi desta maneira que naquela época longínqua os chineses plantaram as sementes da conservação da saúde e da obtenção da longevidade, alicerce cultural da civilização chinesa, hoje consideradas patrimônio Nacional.

Oito pontos especiais do Sistema Garra de Águia


As técnicas do Sistema Garra de Águia vem dos movimentos de águia: Garras poderosas, olhos rápidos, movimentos suaves e técnicas versáteis. Quando praticamos o Garra de Águia, a parada deve ser leve como de um pássaro, o punho deve ter força concentrada em um ponto. A força deve estar sempre controlada e vir de todo o corpo, a respiração deve ser natural.

Para praticar o Garra de Águia você deve ter oito pontos importantes para manter em mente, são eles:
1 - Uso dos Punhos e Pernas:
Os punhos devem ser rápidos e incessantes nos golpes, esmurrar, agarrar, arremessar ou dar pontapés deve ser um ato incessante e rápidos não dando chance ao oponente de bloqueio ou ataque de volta, Os punhos devem ser altos e distantes e os seus movimentos de rolamentos e quedas devem ser leves e suaves sem fazer barulho no chão;
2 - Uso dos Olhos e Ouvidos:
Os Olhos e os ouvidos devem estar como eletrizados atentos a todos os movimentos do seu oponente, de modo que você possa prever qualquer movimento muito antes que ele o execute;

Conheça os segredos Garra de Águia


Segredos do Garra de Águia
Ng Wai Nung estava seguindo Lau Fat Mon por mais de uma década, apesar  do GM Lau ter pouco tempo disponível, o GM Lau vendo a dedicação de seu aluno Ng Wai Nung ensina-lhe os segredos mais profundos do punho de Águia, parte desses segredos eram as três formas principais, que são:
Jui Tao long (Série do bêbado garra de Águia);
Fuk Ku Kuen (Controle do punho de tigre);Lin Kuen (Punhos unidos), também chamado de "Forma Longa" devido a sua extraordinária amplitude.

Mestre Lau Fat Mon, tinha conferido como formatura de Ng Wai Nung na culminância de seus dez anos de treinamento estes tesouros do sistema Garra de Águia, sem os quais o sistema é incompleto.

Em 1936 o GM Lau Fat Mon recebe o convite para assumir como coronel no exército chinês para que ensinasse aos soldados chineses o Garra de Águia durante o bombardeio de japonês de Canton, onde ele permaneceu até o rendimento do exército japonês.
GM Lau Fat Mang e Ng Wai Nung 

A arte secreta do Garra de Águia


A história de TOA GAI
Um dos nomes importantes na história do Sistema Garra de Águia é TOA GAI. TOA GAI era um jovem nobre da dinastia Ming, era possuidor de uma cultura altamente apurada, distinguia-se nas artes da pintura, poesia e música, como nobre foi treinado no Sistema Garra de Águia como  parte de sua formação marcial. Porém durante a juventude de Toa Gai sua vida mudou drasticamente.
A dinastia Ming foi derrotada e o poder de Ching (1644-1911) tomou seu lugar, Toa Gai foi forçado a fugir e depois de andar por muitos lugares tornou-se monge, como monge viajou pela China praticando e ensinando sua arte. Porém Toa Gai viu-se forçado a praticar a sua arte em segredo pois o Rei Ching temendo uma revolta daqueles ainda leais a Dinastia Ching, proibiu a prática de todos as modalidades de kung fu sob pena de morte de quem desobedecesse.Muito embora Toa Gai continuasse a se sobressair nas artes da pintura, poesia e música, secretamente praticava e  ensinava o Garra de Águia. 

De um grande aprendiz a um grande mestre...

4 de mai de 2011

Características principais do Estilo Garra de Águia


Características do Estilo 

Garra de Águia

Shaolin "Fan Tsi Eagle Claw" é uma série de técnicas de luta do tradicional kung-fu chinês. Esse estilo de kung-fu do norte foi desenvolvido e amplamente usado na China. Foi desenvolvido e usado pelo famoso general militar, Ngok Fei, para treinar seus soldados.

Principais movimentos: Essa série de técnicas de luta é na maior parte composta do seguinte:

• "JAU" (agarrar), 
• "DA" (atacar), 
• "KUM" (Pegar), 
• "NA" (do acelerador) 
• FAN Gun "(Tendões separados) 
• "CHO GWAT" (Deslocar as Articulações),
• "DIM YUET" (Atingir Precisamente os Pontos de Pressão),
• "BAAI HEY" (Parar de Respirar),
• GIN SIM (esquivar) 
• "TUN NOH" (Saltos e Usar a força do adversário). 
O Garra de Águia tradicional é baseado em 3 formas fundamentais:

1. Hahng Kuen Sahp Lo (As 10 seções do punho dominante), considerada a mais importante das formas de Garra de Águia por combinar chutes, socos e chi-ná;

2. Lin Kuen Ng Sahp(50 seções de punho combinado), Considerada o “Dicionário” do Garra de Águia, onde todo tipo de garra e ângulo de prender com chaves são encontrados nesta forma, consistindo de 50 fileiras de técnicas.

3. 108 Chin-Na (técnicas de chaves de juntas e torções circulares).

Todas as técnicas são muito eficientes.

Shaolin Garra de Águia - Saiba mais


HISTÓRIA DO ESTILO...

O kung-fu Garra de Águia foi criado na dinastia "Sung". Esta popularidade, entretanto, só veio na dinastia "Ming". O desenvolvimento histórico do kung-fu Garra de Águia é a seguinte: Após a morte do general Ngok Fei, muitos dos seus oficiais se refugiaram no templo Shaolin e começaram a ensinar aos monges, um monge chamado Lai Chun, que foi um famoso praticante do estilo Fan Tsi (estilo acrobático), observando que as técnicas de Garra de Águia, eram muito úteis e eficientes dedicou grande parte de sua vida treinando e improvisando as técnicas de Fan Tsi e Garra de Águia que incorporadas em uma nova série de técnicas de luta de um sistema único passou a chamar-se, "Fan Tsi Eagle Claw (Garra de Águia Acrobático)".

Essas técnicas foram então passadas para um monge chamado Tao Chaig que passou para outro monge chamado Fat Sing. Até esse período essas técnicas eram somente ensinadas para monges budistas e logo não eram conhecidas pelas pessoas fora do templo. No final da dinastia "Ching", um homem chamado Lau Si Chun, de Huibei herdou essas técnicas de luta de Fat Sing. Lau Si Chun passou 30 anos praticando aplicadamente tornando-se famoso em Beijing por causa de seu conhecimento e habilidade em "Shaolin Fan Tsi Eagle Claw"(Shaolin Garra de Águia Acrobático). Lau Si Chun também se especializou na técnica do "Daí Gong Gee" (bastão longo), por causa de sua performance notável nas velhas competições de kung-fu.

Alguns anos mais tarde, ele passou toda sua técnica para seu sobrinho Lau Sing Yau. Lau Sing Yau então passou esse conhecimento para seu terceiro filho Lau Kai Man e seu sobrinho Chan Tsi Cheng. Lau Kan Man passou o kung-fu Garra de Águia para seu sobrinho.Lau Fat Mang (7ª Geração dos Grãos Mestres).


3 de mai de 2011

KUANG KUNG E HUA-TO



HUA-TO FAZ UMA CIRURGIA EM KUANG KUNG

Uma das coisas que mais me impressiona no Kung Fu chinês é o folclore com as suas lendas, e entre as muitas lendas temos este personagem que é ainda narrada por muitos mestres de kung fu no mundo todo, seu nome era KUANG KUNG, este grande guerreiro tem suas histórias contadas na literatura clássica chinesa denominada “Os três Reinos”.

Kuang Kung segundo a lenda é descrito como sendo um homem de alta  estatura e possuidor de uma grande força e coragem, motivo que o tornava um guerreiro destemido e respeitado por todos de sua época.

Kuang Kung era habilidoso no uso de uma arma denominada de Kuang Dao, uma arma mista composta de facão, bastão e Lança, Kuang Kung era soberano de uma vasta região da China, sendo também muito habilidoso nas artes estratégicas do kung fu. Nessa obra existe uma passagem que narra uma cirurgia que Hua-To fez no braço de Kuang Kung. Hua-To foi o criador do primeiro analgésico conhecido pelo homem, esse remédio denominado de Ma-Fei-San, permitia a realização de operações mantendo o paciente sob anestesia geral.

De acordo com os relatos da época, Kuang Kung teria sido ferido por uma flecha ao tentar retira-la quebrou-a dentro do braço. Hua-To foi chamado para extrair a ponta da flecha e Hua-To ofereceu o remédio para que Kuang Kung não sentisse dor durante a cirurgia ja que o mesmo agia como anestesia geral, Kuang Kung recusou e preferiu se distrair jogando uma espécie de xadrez chinês.

Hua-To abriu obraço de Kuang Kung extraiu a ponta da flecha , limpou a ferida e costurou sem que Kuang Kung pronunciasse um gemido de dor.

Nossas postagens populares